SUV’s podem estar reduzindo a participação de pneus V e Z em Equipamentos Originais nos EUA

SUV's podem estar reduzindo a participação de pneus V e Z em Equipamentos Originais nos EUA

A participação dos mercados de pneus de reposição e em OE (equipamento original) dos EUA, dos pneus de alto desempenho (definidos com índice de velocidade H ou superior) aumentou nos últimos 8 anos, segundo dados da USTMA (Associação dos Fabricantes de Pneus dos Estados Unidos), para aproximadamente 56% e 45%, respectivamente. Uma inspeção mais detalhada dos dados, no entanto, mostra que a participação dos pneus com índice de velocidade V e Z se estabilizou nos equipamentos originais em cerca de 20%, mas continua crescendo no mercado de reposição, superando a marca de 20% pela primeira vez em 2017.

Uma explicação para a aparente anomalia dos pneus no mercado OE é a mudança do setor em direção aos SUV's e para longe de cupês e sedans tradicionais. De fato, os pneus V e Z atingiram 20% em 2013, recuando entre 2014 e 2016, antes de se recuperar ligeiramente em 2017. Deve-se notar que os dados da USTMA referem-se apenas às remessas destinadas às montadoras norte-americanas de montadoras globais de veículos. Veículos importados (23% das vendas em 2017) não estão incluídos nestes números. As remessas de pós-vendas nos EUA de pneus com classificação H e superior aumentaram 9,1% no ano passado, para 92 milhões de unidades, um volume que representa 44% de todos os embarques pós-mercado, ante 41% em 2016.

Visto mais de perto, os embarques pós-mercado de pneus de categoria H aumentaram 11,7%, para 48,8 milhões de unidades. Os pneus V subiram 8,4%, para 25,8 milhões de unidades. Os pneus Z subiram 3,6%, para 17,4 milhões de unidades. A participação do segmento OE restrita aos pneus de alto desempenho saltou 5 pontos no ano passado em relação a 2016, para 55,8%, revelam os dados da USTMA, embora os embarques para clientes de OE tenham recuado 4,1%, para 25,2 milhões de unidades. A elevação se deve porque os embarques gerais de pneus de passageiros do setor de OE para produtores de veículos leves norte-americanos caíram ainda mais, 6,9%, refletindo uma queda na produção de carros de passeio, SUV's, caminhões leves e etc, em 2017 na América do Norte para 17,2 milhões de unidades.

A mudança nos equipamentos originais também é refletida na quebra dos tamanhos dos pneus, onde as 10 medidas mais populares são agora todos de aro 17, 18 ou 20 polegadas, incluindo agora o 235/60R18 e 245/60R18 no top 10. O mercado de reposição está atrasado em relação ao OE, sem tamanhos de aro 18 e dois de aro 15 (195/65R15 e 195/60R15) ainda entre as 10 medidas mais predominantes, revelam os dados da USTMA. As importações de pneus com aro 17 ou superior saltaram 13% em 2017 ante 2016, para 46 milhões de unidades, segundo dados do Departamento de Comércio dos EUA. Os dados de importação mostram classificações de velocidade, portanto, os pneus desse tamanho não correspondem necessariamente à categoria com classificação H ou superior.

Fonte: Rubber & Plastic News (Bruce Davis)